Os cinco sentidos estão presentes no seu jardim: desfrute-os!

Os cinco sentidos estão presentes no seu jardim: desfrute-os!

Construir um jardim que você possa experimentar com todos os sentidos do seu corpo (audição, olfato, paladar, tato e visão) transforma o espaço em uma experiência realmente única.

Faz com que o jardim esteja sintonizado com os moradores do local.

Constantemente escolhemos as plantas para nosso jardim pelas cores que nos encantam.

O primeiro encanto, a visão

Assim surgem rosas vermelhas, helicônias alaranjadas, lírios brancos, belas-emílias azuis e outras, conforme o gosto e preferência de seu dono.

rosa vermelha

Algumas vezes são dispostas separadas, outras, misturadas, formando uma paleta de diversas cores.

De fato as cores são o maior atrativo de um jardim, o que nos cativa logo no primeiro encontro e que segue nos surpreendendo cada vez que uma flor desabrocha.

Mas se você é daqueles que adora ficar mais no jardim do que dentro de casa, certamente já percebeu seu jardim com outros sentidos, além da visão.

Os cheiros do jardim

Ao inspirar o ar pode perceber os aromas que exalam de seu jardim…

Talvez venha de um pé de alfazema, de uma trepadeira de jasmim, das rosas, do manacá de cheiro, da gardênia, de ervas e temperos ou de outras tantas espécies cheirosas.

O olfato é um sentido muito conectado com nossa memória afetiva.

Flores de lavanda mescladas com outras flores trazem perfume ao jardim

Por isso, algumas vezes sentimos algum cheiro que nos remete a recordações de infância ou de algum momento em particular que vivemos.

O aroma pode ser utilizado de acordo com as preferências de seu dono que buscará notas mais intensa e marcantes ou mais suaves e delicadas.

Quem disse que jardim não tem som?

Um sentido que passa muitas vezes despercebidos a um observador pouco atento de jardins é a audição.

Um jardim harmônico costuma receber visita durante o dia de várias espécies de pássaros, cigarras, abelhas, besouros e à noite de grilos, sapos, e outros animais noturnos.

Abelha pousa em flor amarela

É realmente uma trilha sonora que se integra com a beleza do local.

Sem o som dos animais, o jardim fica incompleto.

Jardim comestível

E quem disse que não podemos sentir o jardim através do paladar?

Que tal provar as frutas do seu pomar? Elas têm um sabor especial.

Provavelmente você plantou aquela árvore ainda pequenina…

Viu crescer, dar frutos e agora pode saborear essa delicia.

Parece um milagre, um milagre que ocorre ali na sua cara e você tem sorte de poder vivenciá-lo (Veja nosso post “Jardins comestíveis, bonitos e sustentáveis”).

Sente-se embaixo da árvore, de preferência junto as crianças, porque elas valorizam isso e talvez seja a melhor maneira de você ensiná-las a gostar na natureza.

Fruto da pitanga

Desfrute esse momento! A melhor fruta do mercado não terá o sabor daquela que nasceu no seu pomar. Não se trata de ela ser mais ou menos doce que as outras, trata-se de que ela provém da SUA árvore!

Por fim o toque

Por fim, chegamos ao tato e os amantes da natureza com certeza experimentam o toque das folhagens, sentem suas texturas.

Algumas têm folhas mais duras, outras tem nervuras, algumas tem as pontas serrilhadas, outras lisas.

As vezes picam o dedo, outras fazem cócegas.

Enfim, cada uma aporta uma qualidade que a faz diferente e única.

Perceber isso através do toque é uma experiência lúdica e rica.

Como deu para perceber, desfrutar do jardim estando atento as várias maneiras de senti-lo pode ser muito agradável e prazeroso.

Em resumo, curta seu jardim!

Deite na grama, sinta tudo o que está ao seu redor…

Faça parte do local e deixe que o local faça parte de você.

Tenha certeza que essa harmonia só te trará energia e fará você enxergar a vida de maneira mais otimista e tranquila.

Aproveite!

Se você gostou deste post, compartilhe com seus amigos!

2 comentários sobre “Os cinco sentidos estão presentes no seu jardim: desfrute-os!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *